terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Hábito esquecido e bolo de fubá




 
Ainda no domingo, durante almoço de família, comentávamos sobre hábitos esquecidos. Um deles, o de visitar amigos, e até parentes.
De um modo geral, parece que isso só acontece mediante convites. O que é uma pena.
Por isso, fiquei muito contente quando, ontem, uma amiga me telefonou para saber sobre minha recuperação, e disse que gostaria de me fazer uma visita. Que aconteceu hoje.
Essa expectativa foi o gatilho para eu ir para a cozinha, cuidadosamente por causa do pé imobilizado, fazer um bolo que andava nos meus planos: fubá com goiabada.
Costumo fazer um bom bolo de fubá cremoso, mas para usar a goiabada achei que a massa teria que ser diferente.
Olha daqui, olha dali, e resolvi montar minha receita.
Com o bolo, torradinhas, creme de queijo, geleia, esfirra, suco de maracujá e chá.



E tudo com muita conversa. A tarde foi uma delícia. Até esqueci que estou "presa" dentro de casa. E combinamos de repetir essas visitas, mesmo sem motivos. A não ser o do encontro.

O bolo?
Ficou delicioso.

Bolo de fubá com goiabada

11/2 xícaras de fubá
11/2 xícaras de farinha de trigo
11/2 xícaras de açúcar
1 xícara de leite
3/4 de xícara de óleo
4 ovos
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 xícara de pedacinhos de goiabada (aproximadamente 150 gramas)

Bater todos os ingredientes no liquidificador, com exceção da goiabada.
Por último, colocar o fermento.

Passar os pedacinhos de goiabada em farinha de trigo. Tirar o excesso com ajuda de peneira.

Colocar mais ou menos 1/3 da massa em forma untada e enfarinhada.



Por cima da massa, pedacinhos de goiabada. Cobrir com mais uma parte da massa, nova camada de goiabada e terminar com massa.
Levar para assar em forno pré-aquecido (200 graus).
Desenformar.


Querendo, colocar sobre o bolo um pouco de calda de goiabada (parece que coloquei muita). Para a calda, levar a fogo baixo pedaços de goiabada e um pouco de água, até que a goiabada amoleça.


Ao montar o bolo achei que havia muitos pedacinhos de goiabada e não usei todos. Foi um engano. Da próxima vez irei colocar mais. A curiosidade é que eu não tinha óleo em quantidade suficiente e tive que fazer o bolo com azeite português extra-virgem. Mas que ficou bom, ficou. 





9 comentários:

  1. Imagino lo bien que te sentiste con tu visita. Recuerdo cuando era pequeña a mi casa venían muchas visitas, las personas mayores pasaban la tarde charlando animadamente, mientras tomaban café acompañados de pastelitos. Yo ahora ya no hablo apenas por teléfono ni por carta, todo se reduce a Internet, whars App y face book, ¡qué le vamos a hacer los tiempos han cambiado!. Un beso ¿estás mejor?

    ResponderExcluir
  2. Uma delícia!
    Imagino que tarde deliciosa, com sua amiga. Realmente, parece que incomoda-se ao outro lhe fazendo uma visita. Tenho uma amiga que só marca encontros em shoppings, ou cafés. Não gosta que vamos em sua casa. Uma pena, perdermos um programa tão saudável e tranquilo.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Deu vontade!Que apetitoso e deve ter sido legal mesmo essa visita. Infelizmente udo mudou!!

    beijos praianos, te cuida!"chica

    ResponderExcluir
  4. Da próxima vez faça no sábado que eu procurar não faltar ao ágape. Voce não falou do chá que está servido ao lado do pedaço de bolo. Voce é demais!!!
    Beijos do Bertino

    ResponderExcluir
  5. Que delicia! Lindas as fotos! E que gostoso recuperar bons hábitos do passado! Que se repita outras vezes e tb quero esse bolo!! Beijos

    ResponderExcluir
  6. Huuumm, este programa é dos meus! rsrs. Amo um lanche assim caprichado, em companhia de amigos. Neste teve tudo que aprecio: bolo delicioso, chás que adoro, mesa bonita, tenho certeza de que a tarde foi mesmo deliciosa!

    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Nossa, que delícia!
    É tão bom receber quem gostamos em nossa casa, não me importo nem se chegar de surpresa.
    Já fiz este bolo também, mas esqueci de passar os pedacinhos na farinha de trigo para não afundarem, por isso lhe pergunto se você assim o fez, pois os seus pedacinhos ficaram direitinhos no meio do bolo.
    Adorei!
    bjs cariocas e ... melhoras!


    ResponderExcluir
  8. Sadades de você, Helô!
    Não sabia que você estava "imobilizada".Meu tempo tem andado curtinho, curtinho..Aos poucos estou pondo em dia as visitas às amigas.
    Ainda bem que você melhorou e já está aparecendo por aqui e com uma delícia como esse bolo.
    Eu também lamento a perda do hábito de visitar os amigos.Era muito bom recebe-los com um cafezinho, um bolo e uma boa prosa.
    Bj e breve recuperação para você,
    Lylia

    ResponderExcluir
  9. Helô, espero que esteja bem agora.
    Seu post me lembrou que tenho uma tia que mora no interior do Rio, numa cidadezinha, onde as pessoas se conhecem, parentes moram bem próximos e mantêm o hábito de se visitar, inclusive dando aquela passadinha básica diária, nem que seja pra saber se está tudo bem. Bem diferente, né?
    Que coisa gostosa um encontro assim com a amiga!!
    Meu sumiço se deve ao fato de estar de mudança e não é fácil rever tudo numa casa, doar, jogar fora ou vender... Não vejo a hora de estar na casa nova!
    Bjs.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Depois é só escolher uma identidade. Se você não tiver conta google, clique em nome/URL, logo abaixo. Coloque seu nome e, depois, clique em Publicar. Vou adorar ler o que tem a me dizer.