terça-feira, 17 de abril de 2012

Vamos malhar?







Dormi no ponto.
Foi isso que pensei ontem, enquanto fazia exercícios de alongamento.
Como não gosto de exercícios físicos, como nunca pratiquei qualquer esporte, nem frequentei academias, percebi que comecei a “enferrujar”.
E, com a “ferrugem”, apareceu uma dor na perna, extremamente intrigante.
Busca daqui, busca dali, nada.
Exame disso, exame daquilo, nada.
Nenhum diagnóstico.
Resolvi, então, fazer alongamento, com supervisão de fisioterapeuta.
Me senti bem. E passei a dar um valor enorme aos alongamentos.
A dor? Firme.
Continuei na pesquisa médica. Consulta, bateria de exames e, por fim, um último e dolorido exame, que afastou por completo uma suspeita inicial.
Contudo, nada de diagnóstico.
E a dor? Constante.
A prescrição médica? Hidroginástica.
Depois de alguma resistência, pois para fazer hidroginástica obrigatoriamente teria que frequentar academia - que não se encontra na minha lista de preferências -  resolvi seguir o conselho do meu médico.
Me senti bem.
E foi daí que percebi: estava dormindo no ponto. Não basta caminhar eventualmente na praia, para garantir um envelhecimento saudável. Não basta ser uma pessoa ativa. É preciso uma rotina de exercícios.
Pelo que estou entendendo, parece que a solução do meu problema é uma só: fortalecimento da musculatura.
Torço para isso.
E embora tenha dormido no ponto por alguns anos, acho que estou acordando a tempo.
Nessa nova rotina, pude ver que as academias estão repletas de pessoas da minha geração, que há algum tempo se dedicam, com prazer, aos exercícios.
Eu, na verdade, estou encarando os exercícios, sobretudo a hidroginástica, como obrigação, quase como remédio.
E achando que o tempo que estou tendo que dedicar ao físico é maior do que eu gostaria.
Mas, também estou esperando, que com a continuação, e os bons resultados, eu acabe gostando, e até sentindo um grande prazer em sair de casa para ir à academia.
Quem diria!


13 comentários:

  1. Oi, Helô,

    Eu não sou a maior fã de exercícios físicos que existe. Mas me habituei e faço, como obrigação mesmo. Ocorre que não faço há mais de seis meses, pois estamos metidos num processo de mudança de casa e a minha esteira foi embalada,rsrs. Eu tenho sentido falta, viu? rsrs. Eu aproveito a hora do exercício para ver alguma coisa no DVD e o tempo passa sem que eu veja, rsrs.

    Beijoca!

    ResponderExcluir
  2. Desejo que encontres a alegria na hora de ir pra academia,tenho certeza que sim e logo farás amizades e será mais um espaço de amigos.Tomara! beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Heloísa,se morasse aí perto de você, ia lhe dar a maior força e você a mim, pois é o que preciso fazer e não acho dia nem hora pra começar...O sedentarismo de anos deixou em mim muitas dores e tenho que partir pra isso, de me exercitar. Não sei ainda como irei resolver, estou querendo o pilates, mas não sei...
    Há exatos 10 anos, frequentei uma academia por 6 meses e mesmo vendo e vivenciando os benefícios, parei por minha conta. Fazia alongamento, seguido de relaxamento, e dizia pra todo mundo que devia ser obrigatório para a humanidade. Todos deveriam ter direito a 1 hora por dia de alongamento e relaxamento.
    No entanto, parei e agora tenho que retomar. Falta-me inscrever-me numa academia. Depois que a gente entra em campo fica mais fácil. Você vai se acostumar e gostar muito.
    Depois nos conta.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. He intentado varias veces ir al gimnasio pero nunca he conseguido que para mi suponga un placer el ejercicio físico, aunque creo que es saludable y que todos lo deberíamos hacer. Tu persiste y al final le encontrarás gusto, sobre todo cuando empieces a ver los resultados. Un beso

    ResponderExcluir
  5. Post maravilhoso! O melhor alerta para nós, um pouco mais jovens, para começarmos o quanto antes... Para os médicos, também seria ótimo esse relato. É o exemplo prático do que eles tentam alertar a todos, sobre a importância do exercício etc.
    Mas vc está super em tempo, em breve estará ótima. E quem sabe daqui a pouco até já está gostando da nova rotina, e não vivendo tanto como obrigação. Ou uma obrigação prazerosa!
    beijo

    ResponderExcluir
  6. Cara Helo,
    assim que vc conseguir fazer dos seus exercícios, uma continuação da sua rotina de vida, eles passarão a ser prazerosos. Eu não vivo sem exercícios, acompanhados de caminhadas, e mínimas corridinhas.
    Bj,

    ResponderExcluir
  7. Eu não estou dormindo no ponto, totalmente, faço caminhada. Mas isso só não basta. Sou preguiçosa. Começo e não persisto. Estou erradíssima.
    Essa sua postagem, é um grande incetivo. Estou aqui refletindo, criando "coragem" para voltar à hidroginástica...Dá resultado, que eu sei.

    Obrigada!
    Beijos,
    da Lúcia

    ResponderExcluir
  8. Olá Heloísa,
    Malhar até que é bom. Ainda mais quando encontramos uma modalidade que nos dá prazer. Como a dança, a hidroginástica o boxe etc. O difícil é sair de casa, mas quando chegamos na academia é tudo de bom.
    Sucesso.
    Beijos mil

    ResponderExcluir
  9. Helô,
    Sempre é tempo para o corpo se recuperar e logo, logo, vai ver a diferença que uma boa musculação, hidro e alongamento podem fazer por você.
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Ola Heloisa eu acessei seu blog por acaso, por causa de uma viagem à França. Gostei dos seus comentários e começei a ler seu blog. Como também sou vovó de um fofucho menino de 1 ano e 5 meses eu adooorei seus comentários sobre sua netinha linda. Abcs. Judy Martins

    ResponderExcluir
  11. Helô,a real é que somos iguais a geladeiras: se pararmos,oxidamos!

    Bjão e torcendo para vc gostar cada vez mais de exercícios!

    ResponderExcluir
  12. Eu também sou como vc, Helo, não gosto de Academia, reluto muito,mas sei que é necessário.
    Espero que vc se adapte e fique logo bem.
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  13. Ótimo post. Fazer exercício muitas vezes é complicado, tanto sozinho quanto em academias.
    Deixo aqui uma dica de boas academias na minha cidade para quem tiver interesse.

    http://www.guiadivinopolisonline.com.br/lista_categoria.php?id_categoria=1&area=Academias&seg=

    Abraços
    Pedro

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Depois é só escolher uma identidade. Se você não tiver conta google, clique em nome/URL, logo abaixo. Coloque seu nome e, depois, clique em Publicar. Vou adorar ler o que tem a me dizer.