segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Eu vi. Em Copenhagen.






Usar telefone celular em público?
Atravessar a rua quando o semáforo está vermelho para o pedestre, aproveitando que nenhum carro está se aproximando?
O comportamento dos dinamarqueses nessas situações me surpreendeu, durante os dias que passei em Copenhagen.
Parece incrível, mas não vi ninguém usando celular em restaurantes. E acho que nem nas ruas.
E achei o máximo do respeito às regras de trânsito, ver que as pessoas, para atravessarem as ruas, aguardavam calmamente que o sinal abrisse, ainda que não existisse nem sombra de qualquer carro a caminho.
Bicicletas numa quantidade impressionante, rodando pelas centenas de quilômetros de ciclovias na cidade. Bicicletas individuais, bicicletas familiares. Bicicletários em todas as partes, alguns com dois andares.


                           


                                        Crianças, jovens, idosos. A lazer ou a trabalho.



                                        Charretes puxadas por triciclos.


Arquitetura linda. Prédios baixos, equilibrados. Ruas limpas.




Famílias grandes. Os casais jovens sempre estão acompanhados por três ou quatro filhos.


Pães maravilhosos. Integrais e com mil sementes.


Bares e restaurantes com mantas, ou cobertores, nas cadeiras, para que seus frequentadores não passem frio.


Esses foram alguns pontos diferentes que me chamaram a atenção na linda capital da Dinamarca, por onde comecei minha viagem pelo Mar Báltico.
Outros registros, e fotos, já estão no meu blog dedicado a viagens: Fotos: lazer e memórias.  


  Nosso primeiro passeio em Copenhagen, no canal Nyvhan, logo em seguida das 20 horas que levamos na viagem a partir da nossa saída de Santos, aí computados os tempos de aeroportos.




12 comentários:

  1. Adoro fotos de viagem, pode mostrar sempre...rsss...
    Não conheço Copenhagen, mas me fez lembrar Amsterdam pela arquitetura e quantidade de bicicletas nas ruas, realmente impressionante!
    E as mantas nas cadeiras? coisa tão aconchegante né?

    Abraço grande,

    ResponderExcluir
  2. Ahhh Helô, é o paraíso na terra!
    Imagina, mantas nas cadeiras para que ninguém sinta frio ao ar livre, é demais gente!
    Quando veremos um país assim, limpo, organizado, relaxante, sem o mínimo stress cotidiano e que leva às famílias crescerem em número.
    O país dos nossos sonhos que só faltava ser um pouquinho mais quente, mas um cobertorzinho desses já dá uma mãozinha e tanto.
    beijos cariocas



    ResponderExcluir
  3. Como é bom observar as diversidades culturais e que boa estar num lugar tranquilo, respeitador assim! Lindo! beijos,chica

    ResponderExcluir
  4. Amei as fotos. Lindas lembranças pra mim. Que bom que voce gostou. Vou xeretar o blog todo!!

    ResponderExcluir
  5. Amei as fotos. Lindas lembranças pra mim. Que bom que voce gostou. Vou xeretar o blog todo!!

    ResponderExcluir
  6. Querida Helô, acho q já comentei que fiz essa mesma viagem sua, só que foram 8 dias de navio, mas conhecemos os mesmos lugares, e Copenhagen me surpreendeu agora pelas suas fots, está muito linda, pois ano passado, no mês de setembro, ela estava toda em obras, e ficamos até chateados, as ruas do centro todas com tapume, e muitos caminhões em serviço. Estou curtindo muito seu relato e fotos! Obrigada pelo seu carinho, bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi Helô,

    Linda Copenhagen! Gostei muito de ver a cidade através dos seus olhos e me surpreendi com o número de filhos dos jovens casais, pois aqui este número caiu para dois faz tempo, né? rsrs.
    O detalhe das mantas é muito delicado e as bicicletas talvez sejam a solução para o trânsito cada vez mais conturbado que temos, rsrs.

    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Olá, Heloísa.
    Fui atraída pelo seu blog em função do post no Conexão Paris.

    Ele é uma graça!

    Visitarei sempre.

    Abs, Sophia.

    ResponderExcluir
  9. Olá Heloísa,
    Viajar para lugares assim é algo incrível mesmo.
    Ver que o mundo flui de uma maneira tão organizada e civilizada. Ah!!! Primeiro mundo!!!
    Saudades!!!
    Bons fluidos.
    Beijos mil

    ResponderExcluir
  10. Es curioso, la primera vez que estuve en Copenhague me llamo la atención lo mismo que a ti, el civismo de los daneses. Recuerdo que era invierno hacía un frío horroroso, en la calle no pasaba ni un coche, empezaba a nevar fuerte y los peatones esperabn imperturbables a que el semáforo se pusiera verde a pesar de que no pasaba ni un coche. ¡Admirables!. Pasarlo muy bien y que vaya bien el crucero. besos

    ResponderExcluir
  11. Oi Helo, que delicia de viagem que fizeram. Não conheço Copenhagen, mas sua descrição me fez lembrar da Holanda e de muitas cidades alemãs. Acho que de todas as coisas realmente diferentes, que chama mais a atenção de povos de países como o nosso, e a EDUCAÇÃO dos povos desses países. As coisas funcionam, o povo paga caro mas sabe cobrar.
    Prazer enorme vir aqui. Vou lá ver mais fotos.
    bj
    yvone

    ResponderExcluir
  12. Amiga!

    Amo esta cidade!
    Adoro nela viver!

    Beijo

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Depois é só escolher uma identidade. Se você não tiver conta google, clique em nome/URL, logo abaixo. Coloque seu nome e, depois, clique em Publicar. Vou adorar ler o que tem a me dizer.