sábado, 10 de janeiro de 2009

De salto alto

Modelo de calçado infantil:

Outra tarde, numa loja de calçados infantis, ouvi uma moça pedir, para a vendedora, um sapatinho número 24 para sua filha. Disse que dera um daqueles para uma sobrinha, e que sua filha de 4 anos queria um igual. O detalhe é que o sapatinho, em questão, tinha salto. Não era um salto anabela, mas um saltinho de verdade.

Achei a situação bem absurda e não pude deixar de lembrar da primeira vez em que usei um salto de verdade. 

Na minha meninice, os modelos de sapatos de criança eram bem infantis. Sapatos de pulseirinha, sapatos de boneca, sandálias de tiras, todos bem rasteirinhos. Salto anabela, aos treze anos, e salto de verdade, aos quinze.

Os quinze anos eram uma marca na vida das adolescentes. Com eles vinham os saltos altos, o baton, a permissão para sair nos sábados à noite, com companhia conhecida e aprovada pelos pais, mas com retorno às 22 horas.

Parece que havia um roteiro a ser seguido, e as etapas não eram puladas. E quando se alcançava uma nova etapa, com as conquistas que ela trazia, sentia-se uma alegria grande.

Assim foi com o meu primeiro sapato de salto, uma sandália branca, com salto de tamanho 5,5cm, comprado numa sapataria que não mais existe, a Sapataria Ribeirão. Foi uma festa poder comprá-lo e usá-lo.

Dizem os especialistas que saltos altos são prejudiciais. Se, com o tempo e uso contínuo, trazem problemas para os pés das mulheres, o que dizer em relação às crianças. São os ortopedistas que afirmam que as meninas que usam saltos altos  terão problemas de postura e da coluna.

Acontece que não é só isso. Saltos fazem parte de um universo adulto. As crianças começam com saltinhos, passam para maquiagem, roupinhas insinuantes .... Ficam parecendo mulherzinhas, adultas em miniatura e, de repente, muitas vezes, passam a viver como se fossem realmente adultas. 

Antecipação de fases, nem sempre apresenta bons resultados. 

Infância é uma fase de brincadeiras, de ingenuidade. Vamos fazer o possível para que nossas crianças vivam como crianças, com vestimentas e comportamento de crianças, e que a infância tenha a duração que lhe é própria . 

13 comentários:

  1. Oi Helô,
    Fiquei surpresa com a existência de sapatos com saltinhos numa numeração tão pequena e concordo 100% com sua posição. Acho uma bobagem imensa "queimar" as etapas na vida das crianças.
    Abração

    ResponderExcluir
  2. Concordo completamente com você, Heloísa. Cada fase da vida tem os seus encantos. Saltar a infância só pode ser prejudicial.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente, me lembro também que quando era criança minha mãe nunca colocava roupa preta, pois falava que roupa preta era só para adultos e eu tenho o mesmo costume, minha filha não tem nenhuma peça dessa cor e sapatos também só baixinho, tudo tem sua hora.

    ResponderExcluir
  4. Heloísa, fico sempre com pena quando vejo menininhas com sapatinhos de salto, anabela ou não. Estão sendo frustradas em seu desenvolvimento saudável, em todos os sentidos. Quem poderá brecar isto senão as próprias mães?

    ResponderExcluir
  5. Concordo e acho que hoje em dia as crianças participam da vida dos adultos desde muito cedo, por isso, começam cedo a usar coisas de adultos e se comportar como eles. É uma mudança de tempos, mas acho que mesmo assim é tarefa dos pais preservar os filhos de influências que os "apressem" nessa direção, na medida do possível.

    Querida, obrigada pela leitura dos posts, o William Gordon e a Isabel vêm aí... Em 2011. Falta muito pra gente, mas para essas "estrelas" é um prazo que passa rápido. Beijão

    ResponderExcluir
  6. Também concordo sobre o salto, principalmente que crianças estão sempre correndo e pulando e se estiver com algum calçado com salto o risco de cair e se machucar é bem maior.
    Eu gosto de usar na Nathalia roupinhas e calçados modernos, mas nada de salto e como disse a Simone nada de preto também.
    Mas tenho que confessar uma coisa a Nathalia adora pulseiras e batom, rs.
    Beijão e tenha uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  7. Você tem toda a razão, Heloisa! Agora imagine que li,na Veja desta semana, que uma empresa americana criou sapatinhos com salto para bebês. "É estranho e bizarro, diz a notícia, e...irresistível"
    Parece que os saltinhos são molinhos, para bebes de colo, e os de oncinha são os que tem mais apelo.
    Não é surreal?
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Assim como a Nathalia, Laís adora um batom e vestido rodado, mas tb não a visto de preto, não acho q combina com criança...

    Já o salto, isso é uma verdadeira briga que travamos, pq ela adora e eu não permito, o pior é o apelo de sandalinhas da Hello Kitty DE SALTO, moranguinho DE SALTO, barbie TODAS DE SALTO, é muito difícil!

    Bjocas!

    ResponderExcluir
  9. Helô, li há pouco tempo, uma matéria numa revista falando sobre o uso de salto em crianças. O Ortopedista falava sobre os risco e o perigo de cair, torcer o pé e até mesmo de ter problema na coluna. Também sou contra este tipo de coisa. Acho que tem hora pra tudo na vida. Giovana adora maquiagem porque me vê maquiada diariamente. Eu deixo ela passar gloss em casa. Noutro dia ela me deu um trabalho danado pra limpar a sujeira. Agora salto e roupa de gente grande, só na hora certa. Ela vai crescer de qualquer jeito! Não posso retardar este processo! Rsss. Mas posso fazê-la ser criança, que é o melhor momento da vida! Pra que acabar com a inocência? E também concordo com a Danny e com a Si! Roupa preta nem pensar! Criança tem que ter cor!
    Beijos e adorei o tema!

    ResponderExcluir
  10. O importante é não queimar etapas na nossa vida senão chega lá adiante e queremos retroceder no tempo de qualquer jeito e aí mora o perigo das bizarrices e situações ridículas.
    tenho uma filha de 16 anos e na infância ela não gostava de saltos que já se usavam, então era um parto pra arranjar sapatinho de meninas mesmo. Dá pra acreditar?
    bjos meus

    ResponderExcluir
  11. Ah, falando em maquiagem, a Mariana adora baton, mais evito passar nela, as vezes faço que passo mais com a tampinha e ela acredita, ou de manteiga de cacau, pois vi uma reportagem que na maioria dos baton contém chumbo e que é prejudicial à saúde, então meninas pense nisso

    ResponderExcluir
  12. Heloísa, por aqui não se vê muito esse tipo de sapatos para crianças, felizmente. Já agora, o que é salto anabela? Será aquele todo inteiro?
    A minha filha já tem é a tentação da maquilhagem, apesar de eu não usar (não tenho nada contra, só não tenho esse hábito), mas existe para crianças, e agora recebeu no Natal, e ficou delirante... eu não achei mta graça, até pq uma vez ela já fez alergia. Desta vez não fez, então ela usa nas suas brincadeiras. Agora salto alto, está fora de questão.
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Já há algum tempo que as meninas se vestem como adultos em miniatura. Acho tão lindo quando vejo crianças com roupinhas de criança mesmo! Cada coisa tem seu tempo, mais importante é a questão comportamental, não é? Queimar etapas é realmente um problema!
    Heloísa, tem selinho de desafio pra você lá no blog.
    Bjs.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Depois é só escolher uma identidade. Se você não tiver conta google, clique em nome/URL, logo abaixo. Coloque seu nome e, depois, clique em Publicar. Vou adorar ler o que tem a me dizer.