sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Desfile escolar

Quando ia chegando a Semana da Pátria, era aquela dúvida: será que vai chover?
Essa era, e é, uma época de nevoeiros e de alguma chuva. Daí, a preocupação. Pode parecer que eu estivesse apreensiva com eventual perda de viagem ou então que, embora realizada, a viagem ficasse prejudicada pela chuva.
Não, não era isso.
No tempo, a que me refiro, não existia o hábito de viagens nos feriados, e muito menos da emenda de feriados. Havia aulas de 2ª feira ao sábado e, mesmo no caso de dois feriados seguidos, não se viajava.
A preocupação com a chuva na Semana da Pátria tinha seu motivo no desfile escolar, que aqui em Santos, era realizado no dia 6 de setembro. Os colegiais colocavam seus uniformes de gala, alguns eram escolhidos para carregarem as bandeiras, e a formação acontecia na avenida da praia. As escolas iam desfilando garbosamente, uma atrás da outra. As que possuíam fanfarra faziam muito sucesso, e acho que ninguém pensava em faltar ao desfile, que fazia parte do calendário escolar. Não me lembro se havia alguma punição para aqueles que faltassem injustificadamente, o fato é que não pensávamos na possibilidade de ausência.
Muitos pais, com seus filhos menores, e outros familiares, ficavam ao longo da avenida da praia para poderem assistir ao desfile. Era uma festa bonita, e que movimentava bem a juventude daquele tempo.
Nessa altura, contudo, devo fazer uma confissão: minha preocupação não era com a chuva que iria cancelar o desfile mas, sim, com a ausência de chuva que me obrigaria a desfilar.

7 comentários:

  1. Senhora Dona do Desfile. Parabéns por essas lembranças. Realmente o desfile escolar ocorrido todo o dia 6 de setembro em comemoração à data da independência do Brasil sempre foi um grande acontecimento em Santos há alguns anos. Talvez muitos anos.... O fato maior em relação a mim é que eu gostava de desfilar, com chuva ou com sol. Sentia um frio na barriga tremendo pela emoção do desfile. Os alunos vestiam as suas melhores roupas, é verdade, e garbosamente desfilavam. Pena que a Ilustre blogueira não gostava porque, quem sabe teriamos nos encontrado na avenida sambando (ou melhor, desfilando) ao som das bandas marciais.

    ResponderExcluir
  2. Eu adorava desfilar! O único senão era ter que engraxar os sapatos! Isso era feito 3 vezes ao ano, apenas: no primeiro dia de aula, no desfile referente a 7 de Setembro e na cerimônia de encerramento do ano letivo!

    ResponderExcluir
  3. Eu também não gostava de desfilar, mais era obrigado todos os alunos desfilarem e exigiam uniforme da escola e tênis branco sem nenhuma faixa de outra cor, quem não tinha condições de comprar tênis novo colocava esparadrapo nas faixas coloridas, minha mãe fazia isso, como tem coisas que marcam na cabeça da gente né.
    Ótima semana.

    Vovó Helo não visitou meu blog ainda, seja bem vinda.

    ResponderExcluir
  4. Confesso que só desfilei uma única vez... Mas a chuva me ajudou bastante. Estava morrendo de vergonha, com todas aquelas pessoas olhando... Aí caiu um toró daqueles e o defile acabou.
    Mas, gosto de assistir e sempre levava meus sobrinhos comigo. Agora tá na hora de levar Giovana pra assistir também. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Como já morei no interior me lembro de já ter desfilado. Na casa dos meus pais tem até as fotos. Engraçado é que não me lembro se gostava ou não... Imagino que hj não deve dar muito ibope entre os jovens!rs

    Bj,
    Paula

    ResponderExcluir
  6. Noss, que lembrança legal, eu também já desfilei com a escola e vou fazer uma confissão: Eu morria de vontade de ser balisa, akelas que ficam virando estrelinhas, uhauahuahauhauahau, eu achava o máximo, mas nunca fui balisa. Nossa muito legal me lembrar dessas época!!!

    ResponderExcluir
  7. vovo helo...
    vc nem acredita, mas eu tinha q desfilar todo ano e nunca peguei um dia de chuva..era um sol q rachava nossa cabeça...
    como era um colegio de freiras, o uniforme era um luxo só: saiaate os joelhos, bem pliçada, preta, meia ate os joelhos, branca, sapato de vernis preto, camisa comprida aotoada ate o pescoço e por cima dela um colete preto, como a saia...
    da p imaginar o calor q a gente passava?
    hehheheh
    eu sempre tinha q ir carregando uma faixa escrito sei la o que... meus braços doiam de cansaço... e aquele povareu todo ficava olhando, alguns tiravam fotos, outros se calavam sorrindo e ouutros gritavam bobeiras, tirando sarro da gente...
    um saco...
    me desculpem...
    e ainda tinha o detalhe da marcha...santo Deus... "direita esquerda direita esquerda"

    é q assim, a coisa era colocada como obrigaçao e pronto..se fosse trabalhado o valor daquilo, a representaçao, o simbolismo e a importancia da data...sei q seria algo muito mais legal do que chato...mas em todo caso... foi assim q eu passei pelos desfiles e
    ainda bem q eles passaram!!!!!

    acredito q tivesse gente q gostase...mas nao era eu.
    e a gente perdia ponto se nao fosse no desfile e depois era visto com rabo de olho por alguns do colegio....
    aaaaaaaiiiiiiiiiii
    um sacrilegio!
    enfim,
    passou
    (ainnnnda bem! hehehhe)

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Depois é só escolher uma identidade. Se você não tiver conta google, clique em nome/URL, logo abaixo. Coloque seu nome e, depois, clique em Publicar. Vou adorar ler o que tem a me dizer.