quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Abraços

Abraço é amor, é carinho, é solidariedade. Um abraço bem dado é, sem dúvida, o carinho que mais passa afeto. E não é só isso. Abraço é amizade, é perdão, é proteção. Vocês já perceberam com que segurança as crianças correm para receberem um abraço, quando nos abaixamos e abrimos os braços para elas?

Há pouco tempo atrás, passeando por uma das principais ruas do centro de Santiago, Chile, tive a atenção despertada para um grupo de jovens carregando cartazes onde se lia “abrazos gratis”. Algumas pessoas passavam sem prestar atenção, outras olhavam com desconfiança, mas muitas se entregavam alegremente aos abraços. Junto com o abraço, vinha um pequeno folheto com a anotação de que o abraço é um grande remédio, que transfere energia e dá, a quem é abraçado, um estímulo emocional. Diz, ainda, que precisamos de quatro abraços por dia para sobrevivermos.




Fiquei sabendo que o evento fazia parte de uma Campanha de Abraços Grátis. Naquele tempo, início do mês de maio desse ano, eu ainda não era blogueira, e não reparei que o folhetinho mencionava um endereço de blog. Hoje, entrando no blog, http://santiagoabraza.blogspot.com/, constatei que essa campanha é permanente. Há dois dias da semana reservados para os “abraços grátis”, em Santiago, e o blog informa sobre os horários e locais para esses abraços. Ultra-curioso, e simpático.

Portanto, abraços para todos!

13 comentários:

  1. Senhora blogueira, mas que idéia genial. Não observei, ainda, no Brasil, qualquer movimento da juventude nesse sentido. Penso que as artista e modelos deveriam tomar a iniciativa. Com certamente eu compareceria para abraçá-las. (que minha mulher não lei este comentário).
    Vou espalhar a idéia em minha cidade.
    Bertino

    ResponderExcluir
  2. A propósito, o endereço eletrónico indicado não atende. Tentei duas vezes.
    Bertino

    ResponderExcluir
  3. Oi vovó, com certeza uma abraço apertado é muito bom. Eu adoro abraçar e beijar as pessoas que amo, minha familia é muito beijoqueira, quando a Nathalia era menor não gostava que a gente ficasse beijando e apertando ela, agora já entrou na onda e virou a mais beijoqueira da familia, e eu amei isso né. Um abraço bem apertado em vc, na Pri e na fofinha da Isadora!

    ResponderExcluir
  4. Bertino e demais visitantes,
    Desculpem a falha. No endereço eletrônico estava faltando o "ponto" antes de "blogspot". Agora o texto já está corrigido.
    beijos, digo, abraços.

    ResponderExcluir
  5. Vovó, também adoro abraços! Acho que para mim, abraçar é uma terapia. Quem não se sente melhor depois de um longo e apertado abraço? Abraço protege, dá segurança!
    Um forte abraço pra você.

    ResponderExcluir
  6. Amo dar e receber abraços e ficar apertada entre os braços longamenteeeeeeeeeeeeeeee... Ai, ai, já estou com saudades do abraço de minha Modeusa!

    Bjocas e ABRAÇOS, vovó Helô!

    ResponderExcluir
  7. 5 receba um abraço muito apertado da amiga de infancia
    tambem gosto de abraços e carinhos sem ter fim ....
    parabens pela lembrança
    anna maria

    ResponderExcluir
  8. Heloisa,

    Muito obrigado por sua visita ao Bossa! Espero q vc volte mais vezes! Será sempre muito bem-vinda.

    Adorei seu espaço. Li seu post com bastante calma e atenção e achei muito interessante essa iniciativa dos jovens Chilenos.

    O abraço é, com certeza, uma das melhores fontes de afeto da natureza humana.

    Voltarei muitas outras vezes!

    Beijos e ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  9. Adooooro abraços!
    Gosto mesmo!
    Sempre que posso amarro meus braços em volta de alguém.. mesmo que seja só um deles - pra não parecer que estou atacando!

    Eu acho que é um movimento super bacana, já observei reportagens em outros lugares do mundo.
    Será que aqui no Brasil pega?

    Abraços de urso pra vc Helo!

    ResponderExcluir
  10. Abraço grande de dia das crianças para você!

    e beijo, também!

    ResponderExcluir
  11. Heloísa,
    Certa feita ouvi que o abraço é o encontro de dois corações que se massageiam.... repare que quando abraçamos realmente uma pessoa, o nosso coração (fisicamente escrevendo) vai de encontro ao outro, e aí, a sensação deste acontecimento se perdura por vários outros momentos do dia... Quem evita intimidade, (pode perceber), abraça afastando o corpo...
    Beijão, ops, e um abração!
    Ana Luiza

    ResponderExcluir
  12. [desculpa minha mau redacção, mas escribi num tradutor para poder deixar meu comentário aqui (pude ler todo teu comentário porque ler me é mas fácil em portugues, mas não o sei escrever)]

    olá, que lindo encontrar escrito neste blog a respeito da campanha de Abraços Grátis.. sou a menina que aparece à direita na primeira foto..
    que lindo ler como escreves o que foi para ti o observar nessa esquina o que sábado a sábado realizamos :).
    Ojala unas-te-nos, ou porque não onde estejas formes um grupo desta campanha.

    Saludos e muitos abraços!!!.

    http://santiagoabraza.blogspot.com
    santiagoabraza@gmail.com ^^

    la j0! ^^

    ResponderExcluir
  13. Oi Heloísa,
    Adorei! Que legal isso dos abraços!
    Sem dúvida são um grande remédio, espécie de pílula da felicidade.
    Parabéns pelo artigo!
    Um grande abraço,
    Renata

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Depois é só escolher uma identidade. Se você não tiver conta google, clique em nome/URL, logo abaixo. Coloque seu nome e, depois, clique em Publicar. Vou adorar ler o que tem a me dizer.