segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Aprendizado


Vovó, quando eu crescer você me ensina a fazer bolo?
Ensino, minha linda.
Vovó, quando eu crescer você me ensina a fazer tricô?
Ensino minha netinha. E daí vai ser muito bom, porque você vai fazer um casaco para a vovó.
São várias as perguntas, como essas, que a Isadora me faz. 
O fato é que não preciso esperar que ela cresça, para começar a ensinar. Seu aprendizado já começou, e dia-a-dia ela vai aprendendo mais um pouquinho, até chegar a hora de colocar em prática o que aprendeu.
O primeiro passo de qualquer aprendizado é a motivação, e isso já vem sendo trabalhado. Quando estou tricotando, ela fica olhando atenta, mexe na minha caixinha de acessórios de tricô, diz que vai ficar cuidando dela, vai me passando alguma coisa que eu esteja precisando.
Quando vou fazer alguma coisa na cozinha, principalmente algum prato para ela, chamo-a para me ajudar. Ela adora me ver quebrar os ovos, ajuda a mexer uma massa, tira bolinhos das forminhas. Enfim, participa ativamente, até ver o resultado.
E até já dá uma ajuda efetiva na confecção do bolo de caneca. Nesse caso, ela é quem me convida: vovó, vamos fazer um bolo de caneca?
O bolo é muito gostoso. Às vezes fazemos para o lanche da tarde e ele acaba rapidinho.
Vale a pena experimentar:

Bolo na caneca

1 ovo pequeno (ou médio)
4 colheres de leite
3 colheres de óleo
2 colheres rasas de chocolate em pó
4 colheres rasas de farinha de trigo
4 colheres rasas de açúcar
1 colherzinha (de café) de fermento em pó.

Numa tigela pequena coloque o ovo, mexa bem. Vá colocando, aos poucos, os outros ingredientes. Misture bem.
Unte com manteiga, e polvilhe com farinha, uma caneca com capacidade de 300ml. Coloque a massa e leve ao forno de microondas por 2 minutos e meio. Espere um minuto e desenforme.

Cuidados especiais: Todas as colheres são colheres de sopa, com exceção da que medirá o fermento. As medidas devem ser rasas. O melhor é utilizar uma colher própria para medidas, e nivelar os ingredientes.
A massa pode ser feita diretamente na caneca. Nesse caso, não dará para desenformar.
É uma culinária rápida, quase de brincadeira, mas que agrada bastante.

Nesse fim de semana, a Isadora me disse: Vovó, na minha casa eu fiz o bolo de caneca com a mamãe, mas ele não saiu da caneca.
E eu: Já sei. Acho que vocês esqueceram de passar manteiga na caneca, e de jogar um pouquinho de farinha.
Ah, isso mesmo vovó. Vou falar para a mamãe.
E assim, minha menininha vai aprendendo a fazer coisas na cozinha, e a gostar de fazer.
Não é uma delícia?

Essas duas últimas fotos quem tirou foi a Beth, do Mãe Gaia, quando esteve nos visitando em Santos.

23 comentários:

  1. Olá Vovó Heloísa!!!!
    Adorei as fotos da Isadora.
    Muiiito fofa ela fazendo bolo de caneca.
    Esse bolo é mesmo uma delicia né?
    Fica com o mesmo gostinho de feito no forninho.
    Bjiiinhus
    Tia Dú & Manuzinha!
    Ótima semana!

    ResponderExcluir
  2. Já estou lhe seguindo minha querida,
    visite meu blog
    Bjus

    ResponderExcluir
  3. Ai, minha delicinha! Ela está demais nas fotos da Beth (Mãe Gaia)!
    Ela é muito curiosa mesmo, adora aprender, e gosta também de ficar contando o que vai conquistar quando crescer, quando '"for adulta", como costuma dizer.
    beijos,
    Pri

    ResponderExcluir
  4. Ai que delicia ver as crianças interessadas e curiosas né!
    Não sabia q ia postar o bolo de caneca, se não teria linkado aqui.
    bjk e linda semana

    ResponderExcluir
  5. Isadora lindeza da vó! De avental com nome e tudo o mais!

    Eu pude ver e sentir o interesse que ela demonstra nestes 'afazeres-brincadeiras'. Ela é super interessada e cuidadosa, não deixar sujar nem esparramar pros lados, tem uma ótima coordenação motora.
    Essas atividades junto a nós adultos, fazem a criança entender melhor a vida, não ter preconceito de chegar na cozinha, coisa que hoje em dia muitas mulheres falam como se fosse vantagem, nunca chegar numa cozinha para cozinhar ou até mesmo fazer um bolinho para agradar os filhos ou ao marido.
    Tudo é jogado para as empregadas ou compra-se feito.

    Uma outra percepção sobre esta integração avó-netinha é que acabam uma nutrindo pela outra o respeito, paciência, aprendizado e o que nasce disso é, simplesmente Amor.
    Fico boba com senhoras que não gostam de serem chamadas por vovós nem mesmo pelos netos, preferindo que as chamem pelo nome próprio!
    Eu não vejo a hora de er uma netinha. Sim, uma netinha, pois só tive 1 filho homem e gostaria imensamente de experimentar estas sensações que você, Heloísa e outras amigas que teem netinhas sentem agora.
    Vou brincar muito com ela, podes crer!
    A foto da mãozinha dela mexendo no bolo, fiz porquê chamou-me a atenção seus pequenos dedinhos com as unhas já pintadas de vermelho, bem feminina.

    Beijos cariocas

    ResponderExcluir
  6. Espero que ela continue sedente de aprendizagem :)

    ResponderExcluir
  7. Isadora é linda, Heloísa!
    E esta curiosidade em conhecer tudo é maravilhosa! Eu amo quando meus meninos (só tenho sobrinhos homens!) pedem para ajudar na cozinha!
    Apesar de eu saber que algum dos pais vão resistir a idéia (o velho e ignorante machismo) acho ótimo que aprendam, mesmo que brincando!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Helô, muito fofa a Isadora! A cada dia que passa fica mais inteligente, mais esperta! Parabéns! E as fotos estão lindas!
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Helô, as crianças são eternas trocas de figurinhas no quesito aprendizagem, né? Quando a gente pensa que vai ensinar, elas nos dão baile e nos ensinam muito mais. è maravilhoso encontrar pessoas a fim de estimulá-las porque vejo muitos pais que "não tem tempo" para ensinar ou avós que " não tem mais idade e nem paciência"
    Aprendi muita coisa com a minha vô, que jamais esqueci, até ditados que ela costumava a repetir. Hoje, muitas vezes, saem naturalmente alguns da minah boca, como se fosse fala minha.

    Sobre Melissas, elas dão cheiro sim! É inevitável. Se bem que já não uso mais, tenho uns dois pares e de vez qdo "bico" nos das minha filhota.

    Sobre bolo de caneca, aderi a moda assim que descobri numa revista gastronômica. Bom, bonito e prático! Mas acrescentei algumas "alegorias" de quem ama doces. Após ficar pronto, faço um furo no meio, e encho de leite condensado. Como na caneca mesmo. É de lamber os beiços! Hummmm

    bjos e boa semana pra ti!

    ResponderExcluir
  10. Fiquei encantada com a carinha da Isadora na primeira foto! Que linda!
    As outras fotos também estão um encanto.
    É isso aí, não é preciso crescer para aprender. Aliás, as crianças nos ensinam muito!
    Acredita q ainda não me aventurei no mundo do bolo de caneca, rs?

    beijo!

    ResponderExcluir
  11. A vossa relação é muito linda. Que bom que a Isadora tem uma avó assim, que lhe ensina tudo o que a sua curiosidade natural de criança quer saber.
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Bom Dia, Heloísa!

    Por aqui está um lindo dia e aí, como está?

    Deixei hoje um post com uma perguntinha e gostaria de ver seu parecer. Pode ser?

    beijão grande carioca

    ResponderExcluir
  13. ahhahaha...adorei o avental da isadora!!!parabéns, vovó!
    bjs
    si

    ResponderExcluir
  14. Helô, que delícia essas fotos!!! Amei o texto! É tão bom deixá-los participar, não? O meu pequeno já fez comigo e com minha mãe uns biscoitinhos com cortador, ele adorou!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Puxa que receita facil e pratica pros pequenos fazerem....ameiiii!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  16. Que fofinha a Isadora, com a touquinha na cabeça e tudo, uma boleira profissional! :))

    É das coisas mais gratificantes na nossa relação com as crianças, poder ensiná-las e ajudá-las nas suas descobertas.

    bj

    ResponderExcluir
  17. Voce é inspiradora para tantas "amigas", imagine só para sua linda neta!!!!
    Com carinho,

    ResponderExcluir
  18. que graça, Heloisa! Esse bolo de caneca está com uma cara ótima! Vou experimentar fazê-lo com meu Filhote.

    bjs

    ResponderExcluir
  19. Essa relação de afeto e aprendizado é maravilhosa. A Isadora, é uma netinha de sorte, por tê-la como avó.
    bj

    ResponderExcluir
  20. Olá Heloísa,
    Adorei as fotos e o texto! Ela me parece uma criança adorável... e sua receita de bolo + as fotos me fizeram salivar daqui... vou ver se depois do trabalho me aplico a fazer a receita! Depois te escrevo contando! Um beijo e parabéns!
    Ana Luiza

    ResponderExcluir
  21. Preciso, urgente, "esquentar o motor" pra gostar de mexer outra vez na cozinha...Desacostumei-me. Daqui a pouco Letícia vai me solicitar pra fazer uns bolinhos pra ela...Quem sabe chamo a Isadora e ela nos ajuda? Ela verdadeiramente é um amor de menina!

    ResponderExcluir
  22. Tia, que lindo!!
    Amei ver como a Isadora ta grande e fazendo delicinhas na cozinha!!!

    Parabens pra voce, para a filhota e, principalmente para a Isadora, que já faz bolo de caneca!!!

    ResponderExcluir
  23. Oi Heloisa,
    Ensinando e aprendendo, rs...e vamos passando adiante para as novas gerações. Vc faz isso de maneira muito doce e sua netinha embarca gostosamente, lindas as duas!!!!
    Beijinhos

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Depois é só escolher uma identidade. Se você não tiver conta google, clique em nome/URL, logo abaixo. Coloque seu nome e, depois, clique em Publicar. Vou adorar ler o que tem a me dizer.