segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Domingo em São Paulo – Av. Paulista





Nos fins de semana São Paulo é um ótimo lugar para bons programas. Não que não seja também durante a semana, mas é que aos sábados e domingos o trânsito perde grande parte da sua loucura. Pode-se circular com mais tranquilidade e o tempo rende bem mais.

A Avenida Paulista é um dos principais pontos turísticos da cidade. É imponente, muito movimentada e permite um lazer variadíssimo. Museu, cinemas, parque, livrarias enormes, centros culturais, feiras de antiguidade e de artesanato. Acho que na Paulista há um pouco de tudo, e o que falta é encontrado com facilidade nos seus arredores. Tem, ainda, para facilitar, uma ótima linha de metrô.

Só um domingo, é pouco para a Paulista. Volto diversas vezes, e ontem fiz um programa que adoro: visitar duas das suas feiras.

No vão do MASP, Museu de Arte de São Paulo, funciona a famosa Feira de Antiguidades.


Masp visto pela frente.

Masp visto por trás, com as barraquinhas montadas aos domingos. Desse lugar tirei a foto abaixo que permite os três planos do local. Estou no mais alto, Av. Paulista, e na foto percebe-se os dois inferiores.


A Feira de Antiguidades tem peças lindas, valiosas, curiosas, e é muito bem arrumada. Das feiras de antiguidade que conheço, essa é a mais sofisticada.

Uma visita cuidadosa, por todas as suas barracas, ocupa grande parte da manhã.
















Depois da visita à feira, a outra parte da manhã pode ser utilizada para uma visita ao Museu, ou vice-versa.

O acervo do MASP é lindo, e é o mais importante da América Latina. Nas suas salas sempre existem atraentes exposições temporárias. Ontem havia uma exposição de fotografias e outra de obras do Romantismo.



O almoço pode ser feito no Restaurante do Masp, que funciona no subsolo do museu. Tem preço por pessoa, e grande variedade de pratos frios e quentes.

Ontem eu tinha um convite para o almoço e, por esse motivo, dediquei minhas visitas somente às duas feiras: a de antiguidades e a de artesanato.

Para passear pela feira de artesanato é só atravessar a avenida, na frente do MASP.

É uma feira muito interessante, com diversos tipos de trabalho, barracas de mudas de plantas, muitas pinturas, pedras brasileiras e algumas barracas de alimentos.









A Feira de Artesanatos da Paulista ocupa a calçada na frente do Parque Trianon, ótimo lugar para caminhadas. Logo na entrada do parque, havia música ao vivo, alegrando bem a manhã de todos que por ali passavam.



Ainda na Paulista existe mais uma feira, que eu gosto muito de visitar : a do Center 3. Mas isso é outra história, que registrarei em outro post, também sobre “Domingo em São Paulo”.


15 comentários:

  1. Ai, que passeio mais gostoso!
    Já fui algumas vezes nesta feira e é espetacular realmente. Tenho algumas pecinhas que lá comprei e guardo com maior carinho. Na entrada do parque, lembro-me que tinha uma moça que vendia caixas diversas com divisões para toda e qualquer coisa e comprei uma caixa enorme para dar de presente para meu marido colocar canetas.
    Agora me bateu uma saudade de voltar a São Paulo.
    Lindas fotos, Helô! Deu pra gente passear junto contigo neste domingo agradável.
    beijinhos cariocas

    ResponderExcluir
  2. Que delícia de passeio, Helô.

    E com Cultura e tranquilidade juntos, ficou perfeito.
    Adorei as fotos.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir
  3. Bom dia, amiga!

    Você atingiu o meu ponto fraco, com este post, pois esse é um dos locais que mais amo em SP. Na última vez em que estive nessa avenida - e, ai de mim, já se vão uns dez anos - circulei duas vezes por esse trecho, rsrs. Adoooro essas duas feiras, pois em ambas pode se achar muitas coisas interessantes! Um pouco abaixo do MASP (na rua) comemos um yakissoba inesquecível, na barraca de um casal de japoneses. Eu não costumo comer em barracas de rua, mas o aroma que a massa deles exalava era maravilhoso. E tudo era feito rapidamente, sob as vistas dos fregueses. Deu saudades, rsrs.
    Quanto ao chá, realmente, agora é passar do virtual para o real, rsrs.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. ¡Qué bien!, en una sola avenida estar concentrado todo. Sao Paolo debe ser una ciudad preciosa, yo la he visto en muchas películas, pero vivirla es otra cosa, esapero tu siguiente entrada. Un beso Heloisa

    ResponderExcluir
  5. Oi cumadi,
    Tb íamos aos domingos andar no Trianon...e depois visitar a feirinha de artesanato...
    SP tem esses dois lados...um q apaixona...e o outro q nos manda ir embora...por conta da violência diária...
    brigadinha por compartilhar as fotos...assim matamos um pouquinho da saudade...morando agora no interior, normalmente vou e volto sempre correndo...
    Um bejim no seu coração!

    ResponderExcluir
  6. Helô, quanta coisa legal nessa feira!!!! Estive em uma feira bem legal em Porto Alegre no mês passado e uma outra enorme em BH nesse final de semana! No Rio tem a feira do Rio Antigo, na Rua do Lavradio, que é bem legal. Adoro passear por lá, mas só acontece no primeiro Sábado de cada mês. Agora tenho que ir à Sampa!!! Obrigada pela dica e a mensagem positiva que vc me mandou por e-nail. Realmente saúde e amor são as coisas mais importantes e o que faz com que a gente consiga lidar com as dificuldades da vida! Grande beijo!

    ResponderExcluir
  7. Helô! Que saudades de São Paulo que senti lendo seu post e vendo estas fotos lindas que vc tirou!
    Um beijão

    ResponderExcluir
  8. Que bom saber de tantas dicas sobre São Paulo, quando for ai já sei por onde andar, rs.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  9. Fui poucas vezes a SP mas fiz o passeio feira de antiguidades + MASP + almoco. Nao fui a feira de artesanatos, que adoro!

    Otimas fotos!

    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Coisa boa esse passeio.Tem de tudo dos artesanatos à arters,flores.Lindo!

    Nós aqui temos o Brique da Redenção que é assim,com essa diversidade!

    beijos,chica

    ResponderExcluir
  11. Helô, que passeio gostoso! E quanta coisa linda! Antiguidades eu amo de paixão! Deu uma vontade de ir aí!

    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Helô,
    Aqui temos a Feira do Largo da Ordem, que é muito boa também.
    Realmente dá pra ficar uma manhã percorrendo tudo isso!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  13. Ah, Helô...

    eu nasci em São Paulo, sei que há coisas ótimas por aí... Mas não consigo gostar da cidade. Me oprime.

    Tenho alma caipira ou caiçara. Preciso de horizontes, de montanhas e de mar...

    Beijo!

    ResponderExcluir
  14. Um fim de semana assim se torna tranquilo e maravilhoso para se passear pelas ruas de São Paulo, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  15. Heloísa, precisa vir a BH, conhecer (ou já conhece?) a feira de artesanato. Antes ela era nos jardins da Praça da Liberdade, nas alamedas, bem em frente ao Palácio da Liberdade, do governo de Minas.
    Hoje ela está na avenida principal, a Afonso Pena. Ms é enorme, barracas muito próximas umas das outras, muito apertado,muita gente (vem ônibus de todas as partes do brasil, até norte e nordeste) e ela está muito industrializada, uma briga constante dos organizadores, pois o foco era ser apenas artesanato.
    è muito cansativo percorrê-la toda, eu não o faço há tempos, vou direto onde quero e pronto!
    Mas ainda assim vale a pena vê-la.
    Suas fotos estão ótimas.
    Um bom programa, certamente, para uma manhã de domingo ensolarado.
    Beijo!

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário. Depois é só escolher uma identidade. Se você não tiver conta google, clique em nome/URL, logo abaixo. Coloque seu nome e, depois, clique em Publicar. Vou adorar ler o que tem a me dizer.